9 de abril de 2015

Pastiera de Grano, Um Doce Cheio de Histórias e Tradições



São tantas histórias sobre a Pastiera que não consegui saber qual era a verdadeira, ou pelo menos que viesse de uma fonte mais confiável. Na dúvida, resolvi postar aqui apenas a minha história com a pastiera (se você ficou curioso com as lendas dá um google aí). 

Sempre foi tradição da minha família comer uma pizza na Speranza em SP. Meus pais iam lá quando namoravam e então...Sempre que dava íamos todo mundo. Ótimo programa para uma gulosa como eu, pois o pão de linguiça e a pizza marguerita estão entre os melhores que já comi. Mas, uma coisa me chamou a atenção: minha mãe pedia sobremesa lá. Meus pais nunca, mas nunca mesmo, pedem sobremesa. Isso era tão estranho para mim. Mas, de pequena nunca tinha experimentado, eu não me interessava por doces. Um dia, curiosa, experimentei. Uau! Fiquei apaixonada por aquele doce, suave, diferente. Fiquei atrás de uma receita por anos. Mas, muitas não pareciam que iriam resultar naquele doce que eu gostava. Por ser um doce muito antigo muitas variações surgiram e nem todas me agradam. 




Eis que finalmente nesta Páscoa, pois ele é tradicionalmente feito na Páscoa, fiz minha primeira pastiera. Ficou idêntica a da Speranza? Não, porém ficou a mais próxima que já provei. Na minha opinião, ficou deliciosa! 




A pastiera é um doce denso, rico, daqueles para comer um único pedaço a tarde, acompanhado de café, chá ou um copo de leite. A receita que me agradou achei no blog Cucina Artusiana, e segui a receita a risca. A única diferença é que meu trigo cozinhou bem mais rápido. Para um melhor resultado sugiro utilizar grão de trigo descascado, aqui em Campinas eu já vi para vender no Armazém Carro de Boi

Demora 3 dias para ficar pronto, então se programe. Acho que isso dá um charme ao doce e faz a tradição ainda mais presente, pois não vou prepará-lo a qualquer hora. Vou esperar a próxima Páscoa. 

Como simplesmente copiei a receita do blog da Carla, sem qualquer alteração, acho mais justo, deixar aqui o link para vocês, do que copiar e colar. 

Receita: clique AQUI

Dá um pouco de trabalho, mas com certeza vale a pena!
beijos, Lau


1 de abril de 2015

Recheando Ovos de Galinha Para Páscoa



Aqui estão todos meu ovos que colori, se perdeu este post veja AQUI, como limpar e colorir seus ovos.



Depois de ganhar cor, meus ovos de galinha agora ganharam recheio. Para Clarice fiz de chocolate e chocolate com uva passa e granola. Para minha sobrinha mais nova, fiz apenas de frutas secas com granola. 



A ideia para preencher parece e é simples de fazer, mas eu que não levo muito jeito para coisa fiz a maior bagunça e sujei a cozinha toda com chocolate. No fim, tudo deu certo.






Derreta seu chocolate em banho maria ou no microondas, eu usei 180g de Callebaut ao leite em gotas, e coloque dentro do ovo. Se quiser um ovo maciço preencha o ovo todo. Se quiser fazer só a casca coloque bastante chocolate dentro, espere um pouco e vire de cabeça para baixo e coloque na geladeira. Assim, o excesso que estiver no meio vai cair e as laterais vão endurecer deixando um espaço no meio. Deixe assim, ou preencha com passas ou castanhas. Eu fiz um de cada tipo. 



Deixe esfriar bem e feche os ovos com uma forminha para brigadeiro e cola branca (veja as fotos). Depois  é só arrumar em uma caixinha de ovos para eles ficarem bem seguros.



Vale esconder, fazer patinhas de coelho, enfim, use sua imaginação e dispenda seu tempo com as crianças, crie memórias positivas que irão acompanhar seus filhos para sempre. Não há ovo caro que substitua isso :)

Uma feliz Páscoa para todos!
beijos, Lau

31 de março de 2015

Como Pintar Ovos "Tie Dye" Usando Repolho Roxo



Bom dia gente! A Páscoa já está quase aí e eu estava esquecendo de colocar a "receita" para pintar os ovinhos de azul. Eu particularmente (cada um com sua opinião) não gosto dos ovos do supermercado. Além de custarem um exagero, a maioria não é bom (cheio e gorduras que não são de cacau) e ainda são feios. Eu prefiro meus simpáticos ovos azuis em estilo tie dye , com carinha de feito em casa que eu vou rechear de chocolates de boa qualidade e frutas secas. 

Gostaria que minha filha aprendesse a valorizar o simples, o feito em casa, do que ficar competindo com seus amigos sobre quem ganhou o maior ovo ou o ovo mais caro. Sei que ela ainda é pequena para isso, mas nunca é cedo demais para ensinar valores. 



Bom, mas vamos as ovos azuis. Primeiro é preciso ter ovos de galinha vazios. Para isso faça um furo na base do seu ovo. Eu achei mais fácil pegar algo com uma ponta, tipo um palito de dente e fui furando até obter um buraco. Depois tire o ovo de dentro. Lave bem em água corrente. Coloque o ovo para ferver em água com vinagre. 

Faça então o corante: 1 repolho roxo grande + 3-4 xícaras de água. Leve tudo ao fogo por cerca de 20 minutos. Escorra a água e coloque bicarbonato, vá colocando pitadas as poucos, quanto você quiser. Quanto mais bicarbonato mais azul. Reparem na foto como cada xícara tem uma cor, isso foi por causa do bicarbonato. Mas, no fim, coloquei mais bicarbonato em todos e deixei tudo bem azul. 




Passe seus ovos limpos no vinagre e depois mergulhe na água azul. Deixe de molho por várias horas. Retire e deixe secar bem (1 dia pelo menos).

O legal é que um não fica igual ao outro, eles mancham dando o efeito e tie dye. O ovo de casca de marrom ficou cinza, super lindo. Mas, o único de casca marrom que eu fiz a Clarice quebrou sem querer, então não terei a foto para mostrar para vocês :(




Agora a tarde eu vou encher de chocolate e depois mostro o resultado para vocês!

Beijos, Lau

26 de março de 2015

Tacinha Delícia de Bolo de Chocolate, Creme de Nutella e Morangos



Semana passada dei a receita de como fazer o bolo surpresa de coelho. Mas, como efeito colateral temos metade do bolo de chocolate sobrando. O bolo ficou uma delícia e claro que eu não ia jogar o que sobrou dele fora. 



Um clássico para aproveitar sobras de bolo é montar as famosas tacinhas e realmente não conheço forma melhor. 



Primeiro vamos deixar o bolo molhadinho: 1/4 xícara de açúcar + 1/4 de xícara de água = leve ao fogo até o açúcar derreter. junte uma colher de sopa de licor de chocolate ou rum. Divida o bolo entre as tacinhas (cerca de 6). Molhe com a calda de açúcar e reserve. 

Faça um creme com: 1/4 de xícara de leite + 3/4 de xícara de creme de leite + 75g de chocolate  + 50g de Nutella. Coloque tudo na panela e leve ao fogo baixo para derreter. Jogue por cima do bolo




Espere o creme firmar um pouco e arrume os morangos por cima



Finalize com chantilly - 1 xícara de creme de leite fresco batido com 2 colheres de sopa de açúcar. 


Booommm...

Beijos, Lau

24 de março de 2015

Dica do Dia

Oi gente, hoje queria dar uma dica rápida e simples para deixar sua refeição mais gostosa. 



Eu amo macarrão alho e óleo. Puro ou com um bom frango assado fazem para mim uma refeição deliciosa. Aqui em casa este macarrão aparece nos finais de semanas, mas também é uma boa solução para os dias que eu preciso almoçar sozinha. 



Como uma salada primeiro e um bom prato de macarrão depois, pronto fiquei feliz! Mas, para deixar meu macarrão ainda mais gostoso, coloco várias ervas frescas nele. Busco tudo que tenho plantado aqui em casa, tomilho, orégano, sálvia, alecrim e refogo junto com o alho e óleo. Só tome cuidado para não passar no ponto, ou seja, não queimar o alho (que ele amarga) e nem as ervas. Para finalizar uso parmesão ou queijo de cabra ralado. 

Fica delicioso no maior estilo menos é mais!
Beijos, Lau

20 de março de 2015

Bolo Com Coelho Surpresa



Gente, fiquei super empolgada com este bolo. Adoro ideias simples e divertidas. Esse é o bolo que eu provavelmente vou fazer para o domingo de Páscoa. Pretendo fazer um café da manhã especial para as crianças, mas muito simples ao mesmo tempo, com ovos cozidos azuis e bolo de bolo, então por que não aparecer um coelho no meio do bolo? Fantástico! 



Para fazer, basta você fazer primeiro um bolo de chocolate, espere esfriar, corte os coelhos com um cortador de bolachas. Faça um bolo branco. Arrume os coelhos dentro da forma que irá assar o bolo branco, cubra a massa branca e leve para assar. Pronto! O único cuidado é fazer uma massa de bolo mais densa e não líquida. 

Por isso escolhi fazer o "pound cake" que leva este nome por que leva um "pound"(453g) de todos ingredientes. É aquele bolo menos fofo, que não despedaça fácil, e por isso, perfeito para o pic-nic. Foi curso sobre "pound cake"que eu fiz em Paris, lembra? (clique aqui para ver). 



Eu adoro este tipo de bolo, simples e saboroso e escolhi ambas as receitas do livro de bolos da Martha Stweart, adoros seus livros,  suas receitas são infalíveis ;)

E o que fazer com todo este bolo de chocolate maravilhoso que sobra??? Não se preocupe! Já estou escrevendo um post para te contar. 

Bolo de Chocolate
Do livro Martha Stewart`s Cakes

115 g de mateiga sem sal + para untar
1 xícara de farinha + para untar
1/3 de xícara de cacau em pó
1/2 colher de chá de bicarbonato de sódio
1/2 colher de chá de sal
1/4 de xícara de leite
1/4 de xícara de creme de leite fresco (pode ser iogurte integral também)
3/4 de xícara de açúcar
2 ovos
1/2 colher de chá de baunilha

1- Pré aqueça o forno em 180 graus C. Unte sua forma, 20x9cm. Em um tigela grande coloque a farinha, o cacau, o bicarbonato e o sal e misture. Misture o leite com o creme e reserve.
2- Na batedeira em velocidade média alta, bata a manteiga e o açúcar até ficar de cor claro e bem fofo (marque uns 5 minutos, esta etapa é muito importante para este bolo sem fermento). Adicione os ovos, um de cada vez, batendo bem cada um antes de colocar o outro. Coloque a baunilha. Diminua a velocidade e coloque a farinha alternando com o leite em duas vezes. Bata apenas o suficiente para tudo misturar.
3- Coloque a massa na forma e leve para assar por cerca de 50 minutos. Teste com o palito antes de tirar do forno.
4- Deixe o bolo esfriar completamente. Corte fatias grossas e corte cada fatia com seu cortador de bolacha, no formato escolhido. Reserve.

Basic Pound Cake
Do livro Martha Stewart`s Cakes

Observação: eu fiz meia receita, então não será um "pound " de cada ingrediente, mas meio.

220g de manteiga sem sal + para untar
1 1/2 de farinha de trigo + para untar
1/2 colher de chá de sal
1 xícara + 1 colher de sopa de açúcar
1/2 colher de chá de baunilha
5 ovos

1- Pré aqueça o forno. Unte sua forma (20x9cm). Em uma tigela misture a farinha e o sal.
2- Na batedeira na velocidade alta, bata a manteiga e o açúcar até ficar claro e fofo (lembre-se de marcar no mínimo 5 minutos, se bater pouco seu bolo pode ficar embatumado). Diminua a velocidade, coloque a baunilha e os ovos um de cada vez. Na velocidade bem baixa, adicione a farinha em 4 x. Desligue a batedeira.
3- Coloque um pouco da massa do bolo no fundo da sua forma. Arrume os coelhos cortados no fundo da forma, um bem junto do outro. Delicadamente coloque a massa do bolo na forma. Tente preencher todos os espaços em volta dos coelhos, para eles não movimentarem. Leve para assar por cerca de 60 minutos, ou até seu palito sair limpo.  Desenforme morno e deixe esfriar.

Para cobertura eu usei 100g de chocolate ao leite e 80 gramas de creme de leite fresco. Em uma panela, coloque os dois ingredientes e leve ao fogo baixo até derreter. Coloque sobre o bolo. Só corte o bolo depois que a cobertura estiver dura, senão irá borrar cobertura no seu desenho.


Bom final de semana!
beijos, Lau




18 de março de 2015

Bolachinha de Castanha de Caju da Bisa Tina e Mais Coelhinhos



Agora ela não é mais a avó Tina, agora ela é a bisa. E a Clarice, gulosa que só, lambe os beiços só de ouvir falar no nome dela. As bolachinhas e a famosa coxinha são seus preferidos. Mas, ela sabe que tudo que vem da bisa é bom, o macarrão, o pastel e até o arroz com feijão tem seu gosto especial. 



Para o bolo de coelho que postei semana passada, fiz esta receita de bolacha de castanha de caju que está entre as minhas preferidas (na verdade acho que eu só não gosto da de cebola, todas as demais estão entre minhas preferidas)

Fiz também estes potinhos com coelho na tampa, pois acredito que não precisamos necessariamente dar ovo de chocolate, fazer potinhos e bolachinhas em casa, além de ser mais barato, deixa o presente mais pessoal e mais especial.



Para fazer isso eu usei potes de vidro de diversas origens, palmito, geleias, 3 coelhinhos que eu comprei na loja de armarinho (R$10,00 os 3!) e spray azul. Gosto das duas versões, a primeira que colei o coelho na tampa e depois pintei com spray, acho que fica um visual mais elegante. E a segunda, que eu só pintei a tampa e depois colei o coelho, ficou um pouco mais rústico e combinou com as flores. Gostaram?



Bolacha de Castanha de Caju

200g de manteiga em temperatura ambiente
1/2 xícara de açúcar de confeiteiro
2 colheres de chá de baunilha
2 xícaras de farinha
1 xícara de castanha de caju (cerca de 200g)

Açúcar refinado para empanar

1- Triture a castanha de caju no processador ou no liquidificador;
2- Misture todos os ingredientes e mexa até ficar uniforme;
3- Abra entre 2 folhas de papel manteiga e corte no formado desejado;
4- Deixe os formatos já cortados em uma forma polvilhada com farinha na geladeira e pré-aqueça o forno. Leve da geladeira direto para o forno e asse em temperatura baixa por cerca de 30 minutos, ou até o fundo ficar moreno e a bolacha dourada.
5- Ainda morna, passa no açúcar cristal. Espere esfriar em guarde em um pote que feche bem. Ela dura até um mês se bem armazenada.

PS: Se tiver muito calor e sua massa ficar muito mole, coloque na geladeira e deixe firmar antes de abrir.

Beijos, Lau
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...