21 de maio de 2015

Mousse de Chocolate: Só com Água e Chocolate!!



Já postei a receita desta mousse junto com o bolo de quinoa e banana, mas gostei tanto que a escolhi para o primeiro vídeo de reinauguração do canal.



Ela fica com o sabor bem forte de chocolate, uma vez que não tem creme de leite, nem ovos e nem açúcar para diluir seu sabor. Por isso, gostei mais desta mousse para usar junto com outros doces, do que para comer pura. Gosto de colocar na cobertura do bolo, em uma sobremesa que faço que intercala mousse de chocolate com mousse de maracujá e chantily, para montar aquelas sobremesas de tacinhas... ou seja, possibilidades infinitas para este doce tão saboroso!



Na receita do vídeo usei mais 50g de chocolate ao leite, para deixar a mousse mais firme e um pouco mais doce, mas você pode fazer só com 200g de chocolate amargo se preferir.



Espero que gostem do vídeo, eu estou me divertindo muito fazendo!
Beijos, Lau



20 de maio de 2015

SCeP no YouTube

Já faz um tempo que tenho meu canal no YouTube, onde alguns vídeos bem caseiros foram compartilhados com vocês. Sempre foi um sonho fazer vídeos mais elaborados e lindos para vocês, por que nada melhor do que aprender a cozinhar na prática, não é??

Então, é com MUITA felicidade que estou re-inaugurando hoje minha página no YouTube. Em uma parceria mais que deliciosa com a Bo&Co. produtora de filmes, vamos gravar vídeos para ajudar todo mundo a cozinhar. Desde coisas muito básicas, porém essenciais, até pratos mais elaborados e o que mais vocês quiserem, é só pedir!!!



Quero transmitir para vocês através dos vídeos tudo que tento passar aqui: o equilíbrio à mesa, ou seja, comer de forma saudável, sem neuras, comidas caseiras gostosas, feitas com carinho e degustadas sem qualquer culpa. 

O nosso slogan "Receitas para uma vida feliz" traz a proposta de paz com a balança, paz com os alimentos (nada precisa ser proibido), paz com o prazer de comer e acima de tudo uma vida saudável e gostosa de ser vivida!

Venha com a gente!! Inscreva-se lá  canal para não perder nossos vídeos: SaiasCadeirasePanelas no YouTube

Beijos, Lau

29 de abril de 2015

Happy Birthday To Mooo....



Ganhei esta vaquinha de presente da minha sogra e sua irmã, a Isa, no ano passado na Holanda e sou super apegada a ela. Ela não é fofa?

Sempre penso no meu aniversário como um dia para comer só as coisas mais gostosas. Para o café da manhã fiz pão recheado de pasta de amêndoas caseira e Nutella. Para o almoço escolhi um risoto de cogumelos com ovo pochê.



Pela manhã fomos ao shopping escolher um presente para mim, claro que foi um artigo para cozinha!







Como eu adoro fazer aniversário, este ano fiz 2 bolos para mim. Um no final de semana, aquele clássico de prestígio, porém com cobertura de mousse de chocolate, no lugar do brigadeiro. Para mim o melhor de todos, o bolo é super fofo, o recheio de coco fresco é simples e delicioso e a mousse de chocolate deixou o bolo ainda mais do meu gosto. Aproveitei e gravei um vídeo para vocês, assim que der posto ele aqui! 



Hoje, que é o dia mesmo, fiz um bolo pequeno para cantar parabéns com minha filha e meu marido. Foi exatamente meu bolo de quando fiz 30 anos. Adoro estes bolos que não levam quase farinha e são bem densos e ricos em chocolate. Fazia tempo que não preparava este e estava com vontade. 





E a noite vou jantar em uma restaurante que gosto muito aqui em Campinas, o Theo Medeiros.
E vocês, o que gostam de fazer para o aniversário?

Só queria compartilhar um pouco deste dia tão especial para mim!
Beijos, Lau

22 de abril de 2015

Torta de Cenoura com Abobrinha, Com ou Sem Glúten. Você Decide!



Já repeti inúmeras vezes que são sou adepta de dieta sem glúten, não me sinto mal com ele. Mas, gosto de transitar entre todas as formas de dietas,  da vegana para carnívora,  da sem glúten para italiana com muita massa.

Um dia estava conversando com uma amiga que não está comendo glúten, trocando altas receitas  e de repente começo a falar de massa caseira, ela olha para mim e diz: mas você come ou não glúten? Tem horas que me sinto sem grupo, sem tribo. Mas, eu sou assim. Não quero escolher um grupo, quero ser livre para comer o que eu quero. Seja uma dieta vegana com maionese de tofu em dia e um super filé assado no outro dia. Só quero ser feliz, e saudável!



Uma grande alegria que tenho é que amo vegetais da mesma forma que amo um bolo de chocolate. E as minhas tortas preferidas são sempre de legumes. O sabor desta torta predomina a cenoura, mas tem uma abobrinha para equilibrar. E dá para congelar perfeitamente. Depois é só deixar descongelar e reaquecer no forno.

Vou deixar aqui esta receita feita de trigo sarraceno, farinha de quinoa e papoula e também minha massa de torta preferida do momento, que leva farinha de trigo e fécula de batata, que é super saborosa e crocante. Você decide qual prefere!



Massa de Farinha de Arroz integral, Quinoa e Trigo Sarraceno
 Do livro La Tartine Gourmande

Faça a massa 1 hora antes ou até 1 dia antes, se preferir. Rende 6 tortinhas de 10cm ou 1 torta de 25cm.

1/2 xícara de farinha de arroz integral 
1/3 de farinha de trigo sarraceno
1/3 de xícara de farinha de quinoa
1 1/2 colher de chá de goma xantana
1/2 colher de chá de sal
1 colher de sopa de sementes de papoula (opcional)
6 colheres de sopa ou 85g de manteiga sem sal gelada e picada
1 ovo
3 colheres de sopa de água gelada

1- Na tigela da batedeira, coloque as farinhas, a goma xantana, o sal e a papoula. Misture. Adicione a manteiga e bata em velocidade média até ficar homogêneo e com uma textura de areia molhada. Adicione o ovo e bata mais um pouco, adicione a água aos poucos e bata até perceber que uma massa está se formando. 
2- Se você for usar as forminhas pequenas, divida a massa em 6 bolinhas, embrulhe em um filme plástico e refrigere por no mínimo 1 hora. 
3- Pré-aqueça seu forno. Retire a massa da geladeira, abra cada bolinha, coloque sobre a forminha, faça furos com o garfo na base da massa. Cubra com papel manteiga e coloque feijões crus por cima, para fazer peso sobre a massa. Leve as tortas no forno para pré-assar por 15 minutos. Retire os pesos, o papel e reserve.

Se você preferir a massa de farinha de trigo, sugiro que faça esta aqui

Recheio

2 xícaras de cenoura ralada
1 abobrinha pequena ralada
1 colher de chá de coentro em pó
10 sementes de kumel
tomilho fresco
azeite

3 ovos
6 colheres de sopa de creme de leite
120g de mussarela ralada

90g de ricota (se preferir, tempere um pouco antes de usar)

sal
pimenta
noz moscada

1- Coloque o azeite, o tomilho, kumel e o coentro em pó em uma panela em fogo baixo. Deixe aromatizar e coloque a cenoura ralada. Depois de 2 minutos coloque a abobrinha. Tempere com sal e pimenta do reino. Deixe mais 3 minutos e desligue. Deixe esfriar.

2- Em uma tigela coloque os ovos, o creme, tempere com sal, pimenta moída na hora e noz moscada. Junte a mussarela. Coloque a mistura de ovo na cenoura com abobrinha.

3- Distribua o recheio sobre as tortinhas pré assadas. Finalize com a ricota por cima. Leve ao forno por 25-30 minutos.

Sirva quente, com uma bela salada de acompanhamento.

Saudável na medida e super saborosa! Espero que gostem também!
beijos, Lau

9 de abril de 2015

Pastiera de Grano, Um Doce Cheio de Histórias e Tradições



São tantas histórias sobre a Pastiera que não consegui saber qual era a verdadeira, ou pelo menos que viesse de uma fonte mais confiável. Na dúvida, resolvi postar aqui apenas a minha história com a pastiera (se você ficou curioso com as lendas dá um google aí). 

Sempre foi tradição da minha família comer uma pizza na Speranza em SP. Meus pais iam lá quando namoravam e então...Sempre que dava íamos todo mundo. Ótimo programa para uma gulosa como eu, pois o pão de linguiça e a pizza marguerita estão entre os melhores que já comi. Mas, uma coisa me chamou a atenção: minha mãe pedia sobremesa lá. Meus pais nunca, mas nunca mesmo, pedem sobremesa. Isso era tão estranho para mim. Mas, de pequena nunca tinha experimentado, eu não me interessava por doces. Um dia, curiosa, experimentei. Uau! Fiquei apaixonada por aquele doce, suave, diferente. Fiquei atrás de uma receita por anos. Mas, muitas não pareciam que iriam resultar naquele doce que eu gostava. Por ser um doce muito antigo muitas variações surgiram e nem todas me agradam. 




Eis que finalmente nesta Páscoa, pois ele é tradicionalmente feito na Páscoa, fiz minha primeira pastiera. Ficou idêntica a da Speranza? Não, porém ficou a mais próxima que já provei. Na minha opinião, ficou deliciosa! 




A pastiera é um doce denso, rico, daqueles para comer um único pedaço a tarde, acompanhado de café, chá ou um copo de leite. A receita que me agradou achei no blog Cucina Artusiana, e segui a receita a risca. A única diferença é que meu trigo cozinhou bem mais rápido. Para um melhor resultado sugiro utilizar grão de trigo descascado, aqui em Campinas eu já vi para vender no Armazém Carro de Boi

Demora 3 dias para ficar pronto, então se programe. Acho que isso dá um charme ao doce e faz a tradição ainda mais presente, pois não vou prepará-lo a qualquer hora. Vou esperar a próxima Páscoa. 

Como simplesmente copiei a receita do blog da Carla, sem qualquer alteração, acho mais justo, deixar aqui o link para vocês, do que copiar e colar. 

Receita: clique AQUI

Dá um pouco de trabalho, mas com certeza vale a pena!
beijos, Lau


1 de abril de 2015

Recheando Ovos de Galinha Para Páscoa



Aqui estão todos meu ovos que colori, se perdeu este post veja AQUI, como limpar e colorir seus ovos.



Depois de ganhar cor, meus ovos de galinha agora ganharam recheio. Para Clarice fiz de chocolate e chocolate com uva passa e granola. Para minha sobrinha mais nova, fiz apenas de frutas secas com granola. 



A ideia para preencher parece e é simples de fazer, mas eu que não levo muito jeito para coisa fiz a maior bagunça e sujei a cozinha toda com chocolate. No fim, tudo deu certo.






Derreta seu chocolate em banho maria ou no microondas, eu usei 180g de Callebaut ao leite em gotas, e coloque dentro do ovo. Se quiser um ovo maciço preencha o ovo todo. Se quiser fazer só a casca coloque bastante chocolate dentro, espere um pouco e vire de cabeça para baixo e coloque na geladeira. Assim, o excesso que estiver no meio vai cair e as laterais vão endurecer deixando um espaço no meio. Deixe assim, ou preencha com passas ou castanhas. Eu fiz um de cada tipo. 



Deixe esfriar bem e feche os ovos com uma forminha para brigadeiro e cola branca (veja as fotos). Depois  é só arrumar em uma caixinha de ovos para eles ficarem bem seguros.



Vale esconder, fazer patinhas de coelho, enfim, use sua imaginação e dispenda seu tempo com as crianças, crie memórias positivas que irão acompanhar seus filhos para sempre. Não há ovo caro que substitua isso :)

Uma feliz Páscoa para todos!
beijos, Lau

31 de março de 2015

Como Pintar Ovos "Tie Dye" Usando Repolho Roxo



Bom dia gente! A Páscoa já está quase aí e eu estava esquecendo de colocar a "receita" para pintar os ovinhos de azul. Eu particularmente (cada um com sua opinião) não gosto dos ovos do supermercado. Além de custarem um exagero, a maioria não é bom (cheio e gorduras que não são de cacau) e ainda são feios. Eu prefiro meus simpáticos ovos azuis em estilo tie dye , com carinha de feito em casa que eu vou rechear de chocolates de boa qualidade e frutas secas. 

Gostaria que minha filha aprendesse a valorizar o simples, o feito em casa, do que ficar competindo com seus amigos sobre quem ganhou o maior ovo ou o ovo mais caro. Sei que ela ainda é pequena para isso, mas nunca é cedo demais para ensinar valores. 



Bom, mas vamos as ovos azuis. Primeiro é preciso ter ovos de galinha vazios. Para isso faça um furo na base do seu ovo. Eu achei mais fácil pegar algo com uma ponta, tipo um palito de dente e fui furando até obter um buraco. Depois tire o ovo de dentro. Lave bem em água corrente. Coloque o ovo para ferver em água com vinagre. 

Faça então o corante: 1 repolho roxo grande + 3-4 xícaras de água. Leve tudo ao fogo por cerca de 20 minutos. Escorra a água e coloque bicarbonato, vá colocando pitadas as poucos, quanto você quiser. Quanto mais bicarbonato mais azul. Reparem na foto como cada xícara tem uma cor, isso foi por causa do bicarbonato. Mas, no fim, coloquei mais bicarbonato em todos e deixei tudo bem azul. 




Passe seus ovos limpos no vinagre e depois mergulhe na água azul. Deixe de molho por várias horas. Retire e deixe secar bem (1 dia pelo menos).

O legal é que um não fica igual ao outro, eles mancham dando o efeito e tie dye. O ovo de casca de marrom ficou cinza, super lindo. Mas, o único de casca marrom que eu fiz a Clarice quebrou sem querer, então não terei a foto para mostrar para vocês :(




Agora a tarde eu vou encher de chocolate e depois mostro o resultado para vocês!

Beijos, Lau
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...